Benefícios do Café

Benefícios do Café

Consumir café de forma moderada traz uma série de benefícios para a nossa saúde. Essa bebida mundialmente popular, por exemplo, proporciona um efeito termogênico que facilita o processo da perda de peso. Que notícia boa, não é? Ah, o café também desenvolve uma ação estimulante e contribui para a diminuição das dores de cabeça e enxaquecas. Dentre outros benefícios do café, destaca-se, por exemplo, o poder que essa bebida tem para a prevenção de certas doenças neurodegenerativas, como a doença de Alzheimer e a doença de Parkinson, além do diabetes tipo 2. A melhora do sistema respiratório e a diminuição do risco de desenvolvimento de câncer também são alguns dos benefícios do café. Os Nutrientes do Café Uma das características marcantes do café é a sua alta quantidade de cafeína. A cafeína é importante por proporcionar um efeito estimulante no nosso sistema nervoso central, além de seu consumo estar associado à melhora no nosso estado de alerta, na nossa capacidade de aprendizado e principalmente na resistência ao esforço físico, proporcionando mais energia para o dia a dia. A substância também contribui para o processo da perda de peso. Outros nutrientes benéficos encontrados no café são os ácidos clorogênicos – responsáveis pelo poder antioxidante que o café possui. Esse poder antioxidante do café inibe as inflamações e reduz os riscos de doenças cardiovasculares, além de doenças inflamatórias prolongadas. O café também desempenha uma potencial e importante atividade antibacteriana, antiviral e também anti-hipertensiva. A bebida também possui niacina – uma vitamina do complexo B. As vitaminas do complexo B são famosas pela associação que elas têm ao melhor funcionamento do sistema...
Café ajuda a emagrecer e tem efeito antioxidante

Café ajuda a emagrecer e tem efeito antioxidante

Bebida é estimulante, melhora o desempenho em exercícios e protege o sistema respiratório   O consumo moderado do café proporciona uma série de benefícios para a saúde. A bebida tem um efeito termogênico e por isso ajuda na perda de peso. Ela também tem ação estimulante e auxilia a diminuir dores de cabeça. Esta bebida previne algumas doenças neurodegenerativas, como Doença de Parkinson e Alzheimer, e diabetes tipo 2. O café ainda proporciona benefícios para o sistema respiratório e está associado a um menor risco de desenvolver câncer. Nutrientes do café O café se destaca pelas boas quantidades de cafeína. Esta substância é da família da Metilxantina e é importante porque tem um efeito estimulante sobre o sistema nervoso central e está associada à melhora no estado de alerta, na capacidade de aprendizado e resistência ao esforço físico. A cafeína também contribui para a perda de peso pela ação direta na quebra da gordura pelo estímulo na enzima Lipase, que contribui para a quebra da gordura em estoque, lançando-a na corrente sanguínea para ser oxidada, ou seja, queimada. Esta bebida possui outras substâncias benéficas como os ácidos clorogênicos que são responsáveis por grande parte da atividade antioxidante do café. Essa ação irá inibir inflamações e reduzir o risco de doenças cardiovasculares e outras doenças inflamatórias prolongadas. SAIBA MAIS Suplemento de café verde ajuda a queimar gordura e emagrecer Acerte na dose e faça do café aliado da sua saúde Além disso, o café têm potencial atividade antibacteriana, antiviral e anti-hipertensiva. A niacina, uma vitamina do complexo B, também está presente na bebida. Todas as vitaminas do complexo B estão...
Conheça 15 curiosidades sobre o café

Conheça 15 curiosidades sobre o café

No artigo de hoje vamos dar a conhecer 15 curiosidades sobre uma das bebidas mais tomadas em todo o mundo – o café! 1) Descoberta do café Acredita-se que o café foi descoberto no século 9, quando um pastor de cabras percebeu que os seus animais ficaram mais excitados, após terem comido algumas bagas vermelhas de uma árvore. Este pastor levou os frutos a um santo muçulmano que as conseguiu transformar em bebida, o café dos dias hoje.   2) Origem da palavra café A palavra “café” vem do árabe “qahwah”, que está relacionada com a palavra vinho. A palavra turca para o café, kahve, é derivada da palavra árabe e está relacionada com a palavra café.  Outros estudiosos acreditam que a palavra é de Kaffa, região da Etiópia onde se acredita que o café tenha sido originado.   3) Primeira casa de café A primeira loja a comercializar o café como bebida foi inaugurada em 1475, em Constantinopla (na recente Istambul).   4) Consumo de café mundial Em todo o mundo são consumidas mais de 500 biliões de chávenas de café por ano, sendo a bebida mais popular de sempre. É também a mais negociada mundialmente!   5) 30% da água é usada em café Na América do Norte, 30% da água da torneira é utilizada para preparar chávenas de café!   6) Café é saudável para o cérebro e nervos Uma pesquisa realizada demonstrou que o café pode diminuir o declínio cognitivo e ainda doenças neurodegenerativas. Os Turcos até chamam às suas lojas de café de “escolas para sábios”!   7) O café é benéfico para várias doenças Vários estudos mostraram...
As máquinas japonesas vendem de tudo

As máquinas japonesas vendem de tudo

las estão em todas as esquinas.  O povo japonês é fascinado por vending machines. Há 5,6 milhões de máquinas de venda espalhadas pelo país. Isso quer dizer que, para cada 23 japoneses, há uma dessas máquinas. São mais máquinas do que toda a população da Dinamarca. Essa obsessão por máquinas de venda faz com que a variedade de produtos disponíveis também seja bem grande. Hoje de manhã, eu precisava trocar dinheiro. Fui até o lobby do hotel e encontrei uma máquina que faz câmbio. Foi só colocar as notas de dólar lá dentro, apertar o botão e receber os ienes.  No Brasil, as máquinas vendem  refrigerantes, doces, salgadinhos e, no máximo, livros. Aqui no Japão elas podem fazer papel de floricultura, sorveteria e peixaria. Os japoneses já experimentaram até vender carros por meio das máquinas de venda. A iniciativa partiu da marca de carros compactos Smart. Já pensou se a máquina engolisse o dinheiro do comprador? Ovos frescos também são vendidas em máquinas pelas ruas japonesas. Cada saquinho com meia dúzia sai por cerca de 4 reais. Mas, se até quando fazemos compra em supermercados tradicionais temos medo de manipular caixas de ovos, como uma máquina de vendas, que costuma jogar seu produto ao consumidor, não quebra esse produto tão frágil? Veja como a engenhoca funciona: As excentricidades não param por aí. Há vending machines até para satisfazer até alguns fetiches. Em Tóquio, podem ser encontradas máquinas de revistas pornográficas, vibradores e até de calcinhas usadas…! As mulheres que quiserem contribuir com o estoque podem inclusive dispensar suas calcinhas em um recipiente anexo à máquina. Como estão sempre querendo...
Café é a segunda bebida mais consumida no Brasil

Café é a segunda bebida mais consumida no Brasil

Investimentos na pesquisa agronômica, melhoria da produção, beneficiamento e industrialização do café permitiram a evolução do consumo interno O cafezinho é preferência nacional! A bebida é a segunda mais consumida no País, perdendo apenas para a água. E a estimativa é de que este consumo cresça ainda mais, não somente no Brasil como no mundo todo. Em terras brasileiras, essa tendência está comprovada: o brasileiro está consumindo mais café. Essa foi a conclusão de uma pesquisa patrocinada pela Associação Brasileira da Indústria de Café – Abic, parceria do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café, realizada no período de novembro de 2013 a outubro de 2014. No período pesquisado, o consumo interno de café beneficiado no Brasil passou de 20,085 milhões de sacas de 60 kg para 20,333 milhões de sacas. Assim, o consumo per capita também aumentou ligeiramente no período, subindo de 4,87 kg/habitante/ano para 4,89 kg/habitante/ano de café torrado e moído e de 6,09 kg de café verde em grão para 6,12 kg, o que equivale a aproximadamente 81 litros/habitante/ano. Os dados dessa pesquisa podem ser conferidos no Observatório do Café do Consórcio Pesquisa Café e no site da Abic. De acordo com o diretor-executivo da Abic, Nathan Herszkowicz, o consumo anual de café no Brasil é um dos que mais cresceram mundialmente, especialmente nas últimas duas décadas. “A bebida está presente em 98% dos lares. A maior parte do consumo é feito dentro de casa, representando 67% do total, mas o consumo fora do lar também está crescendo. O café em pó (torrado e moído) ainda é o mais consumido, mas está havendo uma migração para outros tipos de café. Um dos...